O comércio, a construção de meios de subsistência sustentáveis, a promoção de uma maior concorrência e a gestão da conservação da água

Chandra e as 25 colegas da sua associação de mulheres fazem uma pausa do trabalho do dia para uma reunião sobre as perspetivas da sua produção de gengibre e a intensa concorrência de mercado que enfrentam por parte do gengibre com valor acrescentado da Índia. Chandra adianta com confiança: "Talvez até consigamos competir com os comerciantes indianos. O nosso principal problema é a ausência de elementos necessários, como unidades de lavagem e de transformação. Se conseguíssemos ter todas estas instalações seríamos felizes”.

Graças aos parceiros de desenvolvimento, Chandra e as restantes comunidades de produtores de gengibre receberam ajuda através de um projeto apoiado em conjunto pelo QIR e pelo Fundo para a Aplicação das Normas e o Desenvolvimento do Comércio e implementado pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO).

A produção de gengibre permitiu-nos educar os nossos filhos e garantir a nossa alimentação e vestuário. Precisamos de fazer algumas poupanças. Tudo isto é necessário para o futuro dos nossos filhos.
-

O gengibre não lavado não podia ser exportado porque não cumpria as normas sanitárias e fitossanitárias obrigatórias e, no entanto, lavar um grande volume de gengibre para exportação exige uma grande quantidade de água que não estava disponível em quantidade suficiente na região montanhosa do leste do Nepal, onde este gengibre é produzido. O projeto apoiou a construção de um sistema de lavagem centralizado, em colaboração com comunidades mais vastas. Acaba de ser implementado na planície de Duwagadhi do distrito de Jhapa, onde a extração de água e a gestão dos sistemas de drenagem estão bem fundamentadas ao nível económico, social e ambiental.

O processo implica extrair águas profundas para a superfície, remover os sedimentos dos efluentes, reciclar a água sem lodo e repor novamente as águas subterrâneas. A construção da unidade acaba de ser concluída e irá criar mais de 200 empregos temporários, reduzir os custos de marketing e as perdas pós-colheita em 30% e melhorar os preços alcançáveis para o gengibre/produtos de gengibre exportados, criando assim margens brutas de 25% para os produtores de gengibre. Todas vestidas em saris em tons rosa-velho, Chandra e as suas 25 colegas sublinham os benefícios da produção de gengibre para a sua comunidade.

KEYWORDS: ginger